Forum Endometriose - 2012, 2013 & 2014
December 19, 2014, 12:18:38 PM *
Welcome, Guest. Please login or registre.

Login with username, password and session length
News: NOVAS CATEGORIAS!!!!
 
   Home   Help Search Login Register  
Pages: [1] 2   Go Down
  Print  
Author Topic: TIBOLONA  (Read 83371 times)
Cíntia
Newbie
*

Karma: +0/-1
Offline Offline

Posts: 11


« on: July 02, 2007, 07:30:57 PM »

Boa noite, meu nome é Cíntia tenho 32 anos e há 3 anos luto contra a endometriose. Em 2004 fiz um vídeo e tomei zoladex por 6 meses, fiquei um ano sem menstruar a senti muito os efeitos da medicação, calorões, irritação, dor de cabeça, falta de libido, etc. Agora em 2007 descobri que estou com novos focos da endo nos ovários, endometriomas, e a minha médica achou melhor tomar zoladex novamente ao invés de partir para uma nova vídeo, daí tomei a zoladex dia 21/06 e ela me receitou tibolona para aliviar os efeitos da zoladex. Gostaria de saber se alguém já usou essa medicação, se ela realmente combateu os efeitos e se ela tem algum efeito também.
Desde já agradeço a atenção!
Beijocas
Cíntia
Logged
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #1 on: July 02, 2007, 10:17:14 PM »

Geralmente usada no tratamento de mulheres que entraram na menopausa, a TIBOLONA, tambem pode ser usada por mulheres que estejam em tratamento com os analogos do GnRH.

Jah vi varias referencias nas comunidades de endometriose do Orkut sobre esta medicacao que pode ser usada em conjunto no tratamento dos analogos do GnRH (zoladex, lupron, lectrum, etc) afim de minizar os efeitos colaterais.

O acetato de noretrindrone, outra medicacao,  tambem pode ser usado em conjunto com o Zoladex. Este medicamento ajuda a amenizar os efeitos colaterais e a perda de densidade ossea que pode ocorrer durante o tratamento.

Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #2 on: July 02, 2007, 10:24:11 PM »

Tratar da menopausa com tibolona
Fonte: http://www.medicosdeportugal.iol.pt/action/2/cnt_id/1059/Teresa Pires
Data: 2007-03-06

"Para além da terapêutica hormonal de substituição clássica, as mulheres dispõem de uma outra alternativa para o tratamento dos sintomas da menopausa. A tibolona é um fármaco que constitui uma terapêutica alternativa às convencionais que actua no cérebro, osso e vagina e não no endométrio e na mama.

A menopausa é uma fase natural de todas as mulheres e deve, por isso, ser passada da melhor forma. É claro que os sintomas da menopausa, nomeadamente os afrontamentos, são, muitas vezes, o grande tormento das mulheres que se encontram neste período, pela deficiência de produção de estrogénios.

De acordo com o Prof. Jorge Branco, director da Maternidade Dr. Alfredo da Costa e professor da Faculdade de Ciências Médicas, «a menopausa é uma situação de carência estrogénica devida ao esgotamento do capital folicular do ovário (os estrogénios são normalmente formados nos folículos), o qual deixa por isso de responder ao estímulo hipofisário. Este estado vem a justificar a sintomatologia típica da menopausa, da qual os afrontamentos são um exemplo».

Para auxiliar no combate aos sintomas decorrentes da menopausa, as mulheres têm hoje há disposição várias possibilidades de tratamento.

A mais comum é a terapêutica hormonal de substituição (THS). No entanto, surgem outras alternativas, como é o caso da tibolona.

A tibolona é um fármaco constituído por uma molécula que, ao ser metabolizada no organismo humano, produz três metabolitos: dois com acção estrogénica e um com acção progestagénica e levemente androgénica.

Deste modo, a tibolona «não é uma THS convencional mas, na medida em que dois dos metabolitos da tibolona têm acção estrogénica, este fármaco tem indicação para ser usado no tratamento dos sintomas da menopausa e na prevenção da osteoporose».

É desta forma que podemos afirmar que a tibolona é, de facto, uma alternativa às THS convencionais porque trata, como estas, todos os sintomas e consequências do estado de deficiência estrogénica que caracteriza a menopausa, nomeadamente afrontamentos, suores nocturnos, atrofia genital com as suas consequências e previne a osteoporose pós-menopáusica, diminuindo assim o risco de fracturas.

«Distingue-se, no entanto, das THS convencionais porque actua através de uma regulação da actividade estrogénica de forma selectiva em cada tecido, determinando o tipo e o grau de activação dos receptores de estrogénios existentes nesses tecidos», salienta.

Acção e vantagens da tibolona

A tibolona actua no organismo através dos seus três metabolitos activos: 3?-OH tibolona, 3ß-OH tibolona e isómero-?4, tendo os dois primeiros acção estrogénica e o terceiro acção progestagénica e levemente androgénica.

Destas características farmacodinâmicas, resulta ser agonista dos receptores de estrogénios no cérebro, osso e vagina e não no endométrio e na mama. Por isto, trata os sintomas climatéricos e previne a perda de massa óssea sem estimular a mama nem o endométrio.

«As vantagens da tibolona são precisamente estas: enquanto nas THS convencionais, os estrogénios produzem toda a sua actividade estrogénica da mesma forma em todos os tecidos que possuam receptores, incluindo aqueles em que ela não é desejada (mama e endométrio), a tibolona, com a sua regulação selectiva, só manifesta essa actividade estrogénica onde ela é mesmo necessária (cérebro, osso e vagina)», afirma o director da Maternidade Dr. Alfredo da Costa.

Com esta acção dirigida, a tibolona não apresenta um significativo aumento do risco relativo para o cancro da mama quando comparada com as terapêuticas estroprogestagénicas.

Jorge Branco explica que, «por ser reguladora selectiva da actividade estrogénica tissular, a tibolona não tem acção estrogénica na glândula mamária pelo que não estimula o tecido mamário. Pelos seus efeitos enzimáticos ao nível do sistema sulfatase-sulfotransferase, bloqueando a sulfatase e aumentando a presença da sulfotransferase na mama, promove a conversão dos estrogénios em compostos sulfatados inactivos», refere, acrescentando:

«Não estimulando o tecido mamário, provoca muito menos dor e tensão mamária em relação às terapêuticas convencionais, tal como não produz aumento da densidade mamográfica, o qual é considerado por muitos autores como um factor de risco independente para o cancro da mama.»

Por outro lado, a tibolona tem também efeitos na esfera sexual, a dois níveis: «melhorando o trofismo do tecido vaginal, optimiza as condições biológicas da vagina, trata a secura vaginal e faz desaparecer progressivamente a dor durante o coito; por outro lado, a nível central, com o efeito levemente androgénico do seu metabolito ?4, melhora o humor, permite mais motivação para o sexo e aumenta a libido», conclui Jorge Branco.

Tibolona: terapêutica de 1.ª linha

A tibolona, além de outras indicações, deve ser usada nas mulheres na pós-menopausa com a toma de um comprimido diário. Pelo seu perfil fármaco-clínico, pode ser considerada, na ausência de eventuais contra-indicações, como terapêutica de 1.ª linha para alívio dos sintomas climatéricos e da atrofia urogenital, melhoria do humor e da libido e prevenção da osteoporose pós-menopáusica, sem estimular a mama nem o endométrio."

Fonte: Medicina & Saúde
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
*katia*
Newbie
*

Karma: +0/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 12



« Reply #3 on: July 03, 2007, 10:01:14 AM »

Fantástico esse remédio!!!
Deveria ser rotina sua associação com o Zoladex.
Acho que diminuir os efeitos físicos seria ótimo, porque os psiclógicos são mais complicados.
E parece que a maioria das mulheres ficam sensíveis e deprimidas durante o tratamento, não é fácil...
Logged

kat.
Cíntia
Newbie
*

Karma: +0/-1
Offline Offline

Posts: 11


« Reply #4 on: July 04, 2007, 09:48:31 PM »

Cas obrigada pela informação, agora fico mais tranquila.
Kati, realmente parece ser uma boa medicação, mas eu sempre tenho medo dos efeitos colaterais sabe?
Continuemos na luta e que Deus nos dê força e tranquilidade.
Beijocas
Cíntia
Logged
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #5 on: July 07, 2007, 12:32:43 PM »

Meninas, aqui nos USA o acetato de norentrindrone geramente eh associado ao tratamento no uso dos analogos do GnRH (Lupron, Zoladex, etc) e realmente ajuda muito. Especialmente em tratamentos prolongados, por causa da perda de densidade ossea.
Jah sofremos por causa da endo, nao precismos sofre com os efeitos colaterais tambem, nao eh mesmo?

Quanto ao lado psicologico eh necessario cuidar... a endo "mexe" com todos os aspectos de nossa vida. Por iso, se for necessario que busquemos ajuda profissional psicologica para podermos continuar a caminhada.

Outra coisa muito importante e que acaba por vezes negligenciada e nossa alimentacao, pois tem um papel importante no tratamento da endo (temos varios topicos aqui no forum). E fazer uma atividade fisica... caminhadas leves, erc... manter-se ativa eh primordial!

E manter uma relacao de confianca com nosso medico. Conversar e questionar e saber quais sao as altenativas de tratamentos para o nosso caso individual eh nossa responsbilidade! Abracos meninas e sucesso !
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
larawahnon
Newbie
*

Karma: +0/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 8


« Reply #6 on: July 10, 2007, 10:03:48 AM »

Ola a todas eu sou portuguesa e estou em Portugal, o forum tem assuntos bastante interessantes.
Já fiz o Zoladex o Lucrin Dupont e etc e dei-me muito mal porque simulam menopausas e eu tinha muitos calores e....
Tenho o Mirena há 2 anos, também engordei , mas eu estava muito magra por isso não fez muito mal, mas os efeitos secundários(colaterais) não tem sido muito bons, pois falta-me os estrogenios. Falei com a medica e secalhar vamos tirar.
Aqui em Portugal ainda não se dá importancia a Endometriose, pois 'são coisas de mulheres ' para alguns , e é muito dificil lidar com uma doença que ninguem compreende.
Logged

Lara Wahnon Smiley
ilan
Administrator
Full Member
*****

Karma: +2/-0
Offline Offline

Posts: 159



« Reply #7 on: July 10, 2007, 10:14:14 AM »

Iara,

 Bem vinda,

 quando puder atualize seu perfil ok? Este fórum é utilizado, também por pesquisadores e é importante saber que é acessado de Portugal e que a Endometriose é pouco divulgada por aí...
Logged
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #8 on: July 14, 2007, 01:54:01 PM »

Iara, este eh o link para o site da Aspoendo - Associacao Portuguesa de Endometriose:

http://www.aspoendo.org/site/index.php?option=com_frontpage&Itemid=1

Espero que ajude, abracos!
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
larawahnon
Newbie
*

Karma: +0/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 8


« Reply #9 on: July 16, 2007, 09:30:09 AM »

Cas obrigada pelo site da ASPOENDO mas já conheço. Obrigada também pela informação da TIBOLONA.
E já agora alguem conheçe o novo tratamento com 9 ervas chinesas de um estudo da Prof. Mache Seibel da Universidade de Massachussets?

Beijos
Logged

Lara Wahnon Smiley
clara_anita_MOS
Newbie
*

Karma: +1/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 46

Paz e amor


« Reply #10 on: January 19, 2008, 11:44:17 PM »

 Shocked
Alguém tem dados científicos sobre uso da "Tibolona" associado com análogos de GhRH, específicamente para tratamento da ENDO?
Se ela tem ação estrogênica significa que vai estimular crescimento também das células endometriais.
Assim vai neutralizar o verdadeiro objetivo do Zoladex, Lupron, Lectrum, Synarel, Triptoselin, Busefen,... e antiestrogênicos como: Dimetrose,Danazol,...

De que vai adiantar gastar caro pelo Zoladex e neutralizá-la tomanto um outro que produz estrogênio e progesterona no seu metabolismo , junto?

Objetivo do Zoladex é justamente, inibir produção de estrogênio e progesterona, indiretamente, bloqueando estímulo pela hipófise.

O mesmo diria do Acetato de Norethindone(Norimin,Primolut,Noreta),=contraceptivo oral hormonal.
« Last Edit: January 19, 2008, 11:56:47 PM by clara » Logged

skype=  anita246omomo
e-mail=  anita_m_o@ig.com.br
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #11 on: July 15, 2008, 03:16:31 AM »

[javascript:void(0);]

Desinformacao eh um perigo mesmo. Felizmente, achismos nao cabem aqui.

O uso dos analogos juntamente com a reposicao hormonal pode ajudar a diminuir os efeitos colaterais destes medicamentos. Lembramos porem, como em qualquer tratamento, que cada caso eh um caso e cada mulher pode (ou nao) reagir diferente a cada medicacao.

Aqui neste forum da ABEND a maioria das participantes eh leiga na medicina e portadora de endometriose, por isso seu MEDICO ainda eh a melhor fonte de informacao e a pessoa mais indicada para te informar. Questione mais seu medico para saber sobre a endometriose e seus tratamentos. Abracos.
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #12 on: July 15, 2008, 03:19:26 AM »

Protocolo Clínico e Diretrizes Terapeuticas para o tratamento
da Endometriose

Fonte: Diário Oficial REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL
Imprensa Nacional BRASÍLIA -DF
No 212 – DOU de 06/11/06
 
SECRETARIA DE CIENCIA, TECNOLOGIA E INSUMOS ESTRATÉGICOS

ID772219-0>PORTARIA No- 69, DE 1o- DE NOVEMBRO DE 2006

O Secretário de Ciencia, Tecnologia e Insumos Estratégicos, no uso de suas atribuicões legais,
Considerando a necessidade de estabelecer o Protocolo Clínico e Diretrizes Terapeuticas para o tratamento
da Endometriose,
que contenha critérios de diagnóstico e tratamento, racionalize a dispensacão dos
medicamentos preconizados para o tratamento da doenca, regulamente suas indicacões e seus esquemas
terapeuticos e estabeleca mecanismos de acompanhamento de uso e de avaliacão de resultados,
garantindo assim a prescricão segura e eficaz;



"
Add-back therapy (associação de reposição hormonal (TRH) aos análogos do GnRH)
é indicada para
diminuir os efeitos adversos dos análogos do GnRH - hipoestrogenismo, sintomas vasomotores e perda
óssea.

Estudo comparando goserrelina com ou sem TRH (171mg) demonstrou que o acréscimo da TRH ocasionou menos fogachos, menor alteração da libido e da secura vaginal.

A associação da add-back não causa perda da eficácia (melhora da dor e diminuição dos implantes endometrióticos) e apresenta melhora substancial dos sintomas hipoestrogênicos.

4,28 Metanálise que comparou tibolona, acetato de medroxiprogesterona 100mg/dia, noretisterona,
associação de estradiol 2mg com noretisterona 1mg/dia
como add-back não mostrou diferença entre os
diversos esquemas em relação à melhora da dor. Ocorreu importante melhora dos efeitos adversos - fogachos, secura vaginal e diminuição de perda óssea.12,29-32"

fonte e artigo completo: http://209.85.165.104/search?q=cache:D30t1pR8iJAJ:ftp://ftp.saude.sp.gov.br/ftpsessp/bibliote/informe_eletronico/2006/iels.novembro.06/iels213/U_PT-SCTIE-69_011106.pdf+analogos+Gnrh+%2B+trh&hl=pt-BR&ct=clnk&cd=4&gl=br&lr=lang_pt
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #13 on: November 12, 2008, 09:07:03 PM »

Fonte - http://www.gineconews.org/jornal/2000/julho/julho2000_15.htm

"O emprego dos agonistas do GnRH, levará a um bloqueio completo do desenvolvimento do óvulo, da produção de estrogênio e do ciclo menstrual. Efetivamente, ocasiona a "menopausa" pelo tempo em que for usado como tratamento e, sem a estimulação do estrogênio, a endometriose atrofia e se torna inativa.

Exemplos de agonistas do GnRH incluem: goserelina, nafarelina, buserelina e leuprorelina. São todos dados por via injetável ou por aerossol nasal.

Os agonistas do GnRH são eficazes em aliviar sintomas em 80-90% dos pacientes e o melhor efeito se faz em pequenas áreas de endometriose. Embora os endometriomas ovarianos regridam cerca de 20%, a cirurgia permanece o tratamento ótimo para a doença mais severa. Estudos que viram a eficácia dos agonistas do GnRH verificaram que o benefício é comparável ao das outras formas de tratamento clínico.

Os agonistas do GnRH funcionam baixando os níveis estrogênicos e os principais efeitos colaterais do tratamento se devem a isto:

fogachos,
redução da libido,
ressecamento vaginal,
sintomas emocionais,
depressão e cefaléias.

Seria o equivalente a passar pela menopausa por um tempo curto. O outro problema principal que limita períodos mais longos de uso, acima de 6 meses, é a perda da massa óssea, com perto de 5-6% de redução da densidade óssea na coluna. Isto é completamente revertido em 9 meses depois da suspensão do tratamento.

Agora há boas evidências de que o uso de terapêutica de reposição hormonal acrescentada seja eficaz em prevenir a perda óssea e os desagradáveis efeitos colaterais do tratamento com GnRH.

A TRH - Terapêutica de Reposição Hormonal usada pode ser estrogênio/progestágeno cíclicos, contínuo, ou a tibolona
. Pode ser iniciada ao mesmo tempo que o agonista do GnRH e não diminui o efeito deste. Poderia parecer surpreendente que o uso de reposição estrogênica não desfaça o efeito do GnRH, mas parece haver um nível de estrogênio em que a endometriose será estimulada, e a TRH não alcança aquele nível, mas é suficiente para prevenir os efeitos colaterais."

Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #14 on: November 12, 2008, 09:08:04 PM »

"Os artigos e discussoes postados tem apenas propósitos educacionais e de interacao entre as portadoras de endometriose. Portanto, não pretendem em hipótese alguma substituir uma consulta médica; as informações aqui contidas são de caráter geral. Lembrando que nesta comunidade, os membros são formados em sua maioria por leigos na medicina. Se você tiver qualquer problema com sua saúde, ou duvidas em relacão ao seu tratamento consulte um médico de sua confiança."
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
Pages: [1] 2   Go Up
  Print  
 
Jump to:  

Powered by MySQL Powered by PHP Powered by SMF 1.1 RC3 | SMF © 2001-2006, Lewis Media Valid XHTML 1.0! Valid CSS!