Forum Endometriose - 2012, 2013 & 2014
July 29, 2014, 09:55:26 PM *
Welcome, Guest. Please login or registre.

Login with username, password and session length
News: NOVAS CATEGORIAS!!!!
 
   Home   Help Search Login Register  
Pages: [1] 2   Go Down
  Print  
Author Topic: Retorno da endo apos a cirurgia da HISTERECTOMIA  (Read 9250 times)
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« on: December 30, 2008, 02:51:35 AM »

IMPORTANTE: A entrevista abaixo é de caráter informativo sobre o tema da histerectomia. Assim como em qualquer doença e tratamento, encontramos várias opiniões médica ou leigas sobre este assunto tão delicado. Para maiores esclarecimentos consulte o seu médico e converse, questione, pois é ele quem acompanha o seu caso.

Fonte: Artigo traduzido por Cas e retirado do site
www.endometriosiszone.org/display.asp?page=congress_ISGE2004_hysterectomy


Recorrência das dores de endometriose após a histerectomia


Lone Hummelshøj: Nós estamos no Oitavo Encontro Regional da Sociedade Internacional de Ginecologia e Endoscopia. O tema para este congresso é Endometriose, o qual realmente tem se mostrado uma desafio nos dias de hoje. Nesta tarde estaremos discutindo sobre histerectomia e basicamente o tratamento da recorrência das dores de endometriose após a histerectomia. Estão comigo o Dr. Ray Garry da Austrália, Dr. David Redwine do Oregon, EUA, Dr. Enda MacVeigh da Universidade Oxford na Inglaterra e o Dr. Tom Lyons de Atlanta, EUA.


Lone Hummelshøj: Dr. Gary, pode ser verdade que uma mulher, a quem foi dito que ela estava curada de endometriose após a cirurgia, continue a sofrer dores ?

Dr. Ray Garry: Isto pode ser verdade. Várias pacientes que fizeram a histerectomia mas não tiveram todos os focos de endometriose retirados, e por outras razões, a doença pode continuar. E pode persistir com sintomas severos: pode ter dores, pode haver sangramento, pode ter problemas com o intestino, ou problemas de trato urinário. Todos essas coisas podem acontecer. É uma situação desafortunada porque, muitos médicos bem como as pacientes, acreditam que removendo o útero e os ovários é um completo tratamento para a endometriose. Tristemente, isto frequentemente não acontece.

Dr. David Redwine: Eu concordo absolutamente. Eu tenho acompanhado mais de 175 pacientes na quais eu fiz a cirurgia, que ainda têem endomentriose após a retirada do útero, trompas e ovários. Como o Dr. Ray disse, há muitas razões, mas uma das razões é de simples anatomia pois a endometriose é predominantemente uma doença de superfície peritonial fora do útero, e não envolve os ovários. Então se você remover o útero, trompas e ovários você estará deixando cerca de 96% a 97% da doença nas pacientes. Apenas de forma anatômica o procedimento não faz sentido, mesmo que na realidade isso possa relativamente ser efetivo em alguns casos de dor.

Dr. Enda McVeigh: Olhando especificamente na remoção dos ovários, onde a lógica é criar um estado de hipoestrogenismo (queda de estrogênio acentuada) aonde o mais importante é atrofiar os focos ectópicos de endometriose, na teoria isso soa muito bom. Porém, quando nós olhamos para isto quimicamente, dar análogos de GnRH (Zoladex, Lupron, Lectrum, etc), nós não achanos que esse é o resultado. Se você realiza a cirurgia e dá os análogos, e remove todos os focos da doença, não haverá diferença na dor. Se você realiza a cirugia e não remove todos os focos da doença, você terá dor mesmo se usar os análogos. Eu penso que o raciocínio é falho e nós nos esquecemos acerca da imagem do corpo, e que na verdade estamos castrando a mulher e removendo um importante orgão que tem uma função maior do que simplesmente dar reposição de estrogênio. E tem todos os fatos pelo qual os ovários influenciam o corpo, e tudo o que nós fazemos quando damos a a Terapia de Reposição Hormonal é dar estrogênio facilmente. Eu penso que este raciocínio é falho, e com gratidão nós temos visto uma mudança nisto.

Dr. Tom Lyons: Parte desta discussão de hoje a tarde, é em relação as pacientes que sentem dor específicas relacionadas ao útero por terem endometriose. Estas pacientes, é claro, podem ser beneficiadas pela histerectomia na hora da cirurgia. Mas, se a endometriose delas não for removida na hora da cirurgia, então consequentemente a paciente poderá persistir com as dores.

É uma situação triste aonde a paciente fez, numa idade prematura, um procedimento radical removendo o útero, trompas e ovários, e desafortunamente às vezes fica alguns focos de endometriose. Agora se a paciente continua com dores persistentes, é uma situação dolorosa, particularmente se a paciente não teve a oportunidade de ter um filho.
Estas pacientes infelizmente, são enviadas muito frequentemente ao psiquiatra. É claro que qualquer paciente que tem dores por tempo prolongado e às vezes por mais de 1 ano de duração, certamente terão problemas psiquiátricos. Quando não, a depressão está associada juntamente com estas outras coisas. Estas pacientes tem todo o direito de se sentirem “loucas“, e elas devem ser ouvidas e a doença ser tratada apropriadamente.

Dr. Ray Garry: Eu penso que o importante é enfatizar que muitas mulheres com endometriose possuem outras condições de saúde, aonde a histerectomia pode ser valiosa. Nós certamente não dizemos que a pessoa nunca deva fazer a histerectomia como parte do programa de tratamento. No entanto, para muitas mulheres o princípio do tratamento deveria ser a remoção da endometriose fora do útero e uma avaliação cuidadosa, os dois de acordo com o desejo da mulher – tanto a fertilidade dela como também a doença que se encontra alí.   

Dr. Tom Lyons: Penso que por isso que a Laparoscopia tem sido o procedimento mais escolhido neste processo desta doença. Este procedimento dá a você a oportunidade de avaliar a evolução da doença cuidadosamente, e remover os focos da doença – o que nós fazemos -, antes de embarcamos numa histerectomia como o procedimento indicado. Para mim, a histerectomia, é provavelmente a maneira mais agressiva para a paciente e o processo da doença.

Dr. Enda McVeigh: Eu acho muito importante que nós ouçamos as pacientes e que individualizemos o tratamento de cada paciente.
Ouvir a paciente, conversar com ela, e certificar-se de que o resultado mais importante é o que ela quer, e aplicar a cirurgia correta (histerectomia ou laparoscopia).
Pode ser que a histerectomia para uma mulher que não quer mais ter filhos e que tem uma menstruação longa e não quer mais ter, seja a melhor opção.
Certamente a histerectomia combinada com a retirada dos focos de endometriose é a forma mais apropriada de terapia.
Então ouvir a paciente, adotar uma postura baseada no que ela fala, tratá-la individualmente, é o que eu acho ser o mais importante.

Dr. David Redwine: Uma das coisas que os ginecologistas em sua maioria talvez se preocupem ou se interessem quando estão fazendo a histerectomia e a remoção dos ovários, é de que forma esta paciente em particular vai, possivelmente, ser sintomática (ter os sintomas ) após a cirurgia se a endometriose não for retirada ?

Eu tenho encontrado em algumas pacientes minhas que tiveram, após a histerectomia, endometriose com focos no intestinos, danos no cul de sac (área atrás do útero e em frente o reto) e outras doenças na mesma época em que fizeram a histerectomia e remoção dos ovários. Muitas tem tido isso e eu tenho que operá-las novamente por causa da dor.

Dr. Tom Lyons: Eu acho que nós podemos dizer que a histerectomia é um procedimento efetivo quando é indicado. Mas, de modo geral, em se falando de tratar endometriose, nós precisamos tratar primeiro a doença efetivamente. Ouçam as pacientes e elas nos falarão o que há de errado com elas. Acho que esta é a melhor maneira de nós servimos a elas com nossa profissão.

Lone Hummelshøj: Obrigado por esta entrevista !

Drs. Ray Garry, David Redwine, Enda McVeigh, Tom Lyons: Obrigado !

*****************************************
IMPORTANTE:Atenção! As informações aqui postadas não substituem a consulta ao seu médico. São exclusivamente de caráter informativo. Esclareça sempre suas dúvidas com seu médico.
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
talyti
Sr. Member
****

Karma: +2/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 285



« Reply #1 on: December 30, 2008, 10:50:47 AM »

Mto boa essa entrevista!
Tantas mulheres recorrendo a histerectomia por acreditar q será o fim da doença, a endometriose é complexa demais para sermos radicais.


Importante ressaltar: Para maiores esclarecimentos consulte o seu médico e converse, questione, pois é ele quem acompanha o seu caso.
Eu acho muito importante que nós ouçamos as pacientes e que individualizemos o tratamento de cada paciente.

É o q sempre falamos aqui: Cada caso é um caso e é fundamental estarmos com um ESPECIALISTA.

Valeuuu Cas!
Logged

Talyti Wink
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #2 on: December 30, 2008, 12:19:32 PM »

Mto boa essa entrevista!
Tantas mulheres recorrendo a histerectomia por acreditar q será o fim da doença, a endometriose é complexa demais para sermos radicais.


Importante ressaltar: Para maiores esclarecimentos consulte o seu médico e converse, questione, pois é ele quem acompanha o seu caso.
Eu acho muito importante que nós ouçamos as pacientes e que individualizemos o tratamento de cada paciente.

É o q sempre falamos aqui: Cada caso é um caso e é fundamental estarmos com um ESPECIALISTA.

Valeuuu Cas!


Valeu mesmo! Adorei!
BjÔ
Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
Shirlei
Newbie
*

Karma: +0/-0
Offline Offline

Posts: 3


« Reply #3 on: January 01, 2009, 09:26:16 PM »

Otima entrevista!!

Eu não sei o que fazer, já estar tudo certo para fazer a histerectomia e retirar tudo ( utero, ovarios, e um pedaço do intestino ) Será que vale apena tão grande sacrificio???
Me ajudem
O que vcs acham?Huh?

Bjs
Logged
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #4 on: January 02, 2009, 02:15:35 AM »

Shirley, vou citar as palavrinhas acima ad amiga Talyti: "É o q sempre falamos aqui: Cada caso é um caso e é fundamental estarmos com um ESPECIALISTA."

Na verdade, nao importa muito o que nos virmos a achar... porque nao somos medicas, so portadoras. Somente seu medico apos extensa avaliacao e conversa contigo, podera chegar a alguma conclusao, ok.

Nosso conhecimento vem de artigos, e experiencias e relatos de outras portadoras que ja fizeram esta cirurgia radical. Acompanho duas mulheres amigas de comuna de orkut que nao se deram muito bem com a cirurgia... e a ndo continua evoluindo.

Pense bem, pesquise, leia  o mais importante converse com seu medico.
Abracao !

Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
Gabii
Jr. Member
**

Karma: +0/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 87


Fé, Força, Vibrações boas!!


« Reply #5 on: January 07, 2009, 11:26:49 PM »

Muito boa mesmo a entrevista Cas!!! Ótima!

Agora, fiquei um pouquinho assustada, assim...já sabia que a endo. ñ dá trégua, e fica meio q se multiplicando! Parece um "alien" essa coisa!!! Ai, me desculpem...mas é o que sinto!

Eu mesma já pensei em, se for o caso, depois de ter, se Deus quiser, meus filhos, retirar os ovários, útero e trompas...Mas, mesmo assim essa coisa ainda tem chance de continuar?! Pelo amor de Deus!!! É de enlouquecer viu! Complicado! Como a Talyti disse: "a endometriose é complexa demais para sermos radicais".

Bjosss
Logged
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #6 on: January 08, 2009, 10:34:53 AM »

Realmente é de pirar o cabeção, como diz meu irmão.
Mas, gostaria de acrescentar uma coisa aqui. Segundo os drs. Marco Aurelio P. de Oliveira e Mauricio Simões Abrão, a possibilidade da endometriose retornar em mulheres que fizeram histerectomia total (retirada do útero, ovários e tubas uterinas) se deve ao fato desta mulher ter focos da doença em outros órgãos, como intestino ou bexiga p/ex, e esses focos não serem vistos na laparoscopia. Incompetência do médico que realiza o procedimento? Acreditem, mtas vezes não é. Parece brincadeira de mau gosto, mas podem existir focos de endometriose presentes no organismo, mas que não são vistos nem na laparoscopia! São os chamados "micro focos".
Por isso, o tratamento contínuo é mto importante!
Aff... Deus nos proteja!
BjÔ
Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
talyti
Sr. Member
****

Karma: +2/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 285



« Reply #7 on: January 08, 2009, 10:47:22 AM »

Parece brincadeira de mau gosto, mas podem existir focos de endometriose presentes no organismo, mas que não são vistos nem na laparoscopia! São os chamados "micro focos".   - Pura verdade By@!

Meu doc conversou comigo sobre isso...

Mtas pessoas pensam: depois da cirurgia estarei curada e bye bye endometriose. Eu por ex pensei assim na época q descobri q teria q fazer a video...se bem q esse pensamento durou apenas uns 5min, tempo suficiente p ouvir a explicação do doc. Aff! Lips Sealed Fazer o q??!!

Bjs
« Last Edit: January 08, 2009, 10:49:03 AM by talyti » Logged

Talyti Wink
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #8 on: January 08, 2009, 10:59:06 AM »

Pois é Talyti, e tem gente que ainda acha que a endometriose é uma doença que não precisa ser levada a sério e não entendem pq fazemos "tanto barulho" por causa dela!

Aff...  Shocked
Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
talyti
Sr. Member
****

Karma: +2/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 285



« Reply #9 on: January 08, 2009, 11:17:42 AM »

Por isso estou animada com o "Projeto de Divulgação da Endo", vamos fazer um "barulho" considerável.rs Wink

Bjs
Logged

Talyti Wink
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #10 on: January 08, 2009, 11:32:24 AM »

 Cheesy  Cheesy  Cheesy  Cheesy  Cheesy Booooaaaa Talyti!!! Cheesy Cheesy Cheesy Cheesy Cheesy

Wink
Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
Gabii
Jr. Member
**

Karma: +0/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 87


Fé, Força, Vibrações boas!!


« Reply #11 on: January 08, 2009, 02:14:02 PM »

Boa msm!!! E tb tenho uns planinhos pra isso!  Vou ver cmo depois, aqui em BSb ne!

Mas, caminhamos juntas viu meninas! Na divulgação e td mais!!!

Poxa, só de pensar q msm com essa cirurgia brutal...esse alien multiplicador quase...pode continuar! Credooooooooo!!! Afff msm! Como disse a By@, "Deus nos proteja"!!

Agora, to querendo achar outro médico! O meu nuncaaaaaaa me falou nada disso!!! Sempre me deu a entender q a única forma de ser curada era dessa maneira, ou com a menopausa! Enfim...já to meio assim com relação a ele! Fora outras coisinhas q estão me "encasquetando"! ah nao viu...

Mas, qualll? poxa...estou meio sem saber pra onde correr! Aqui em Bsb todos meio q se conhecem, realizam trabalhos juntos, etc. Sei lá..Mas, vou atrás! E, se por acaso der pra eu ir ao Rio; já vi em outro tópico q vcs colocaram o endereço de vários! Quem sabe ne! Pena q eh tao longe pra mim...q to em pleno cerrado!  Tongue

Enfim...se tiverem mais alguém pra me indicar,me avisem!!! msm q seja aí no Rio! Wink

Bjos meninas!! e vamos fazer barulho msm!!!


Logged
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #12 on: January 08, 2009, 02:34:25 PM »

Pois é Gabii, não bastam os problemas que a própria doença nos traz, como dores, infertilidade, alterações - sejam intestinais, urinárias ou psicológicas! - ainda temos de conviver com o despreparo médico. É claro e graças a Deus existem os especialistas, mta gente boa trabalhando sério e correndo atrás em melhores tratamentos e melhora na qualidade de vida das portadoras e até na cura da doença, mas, infelizmente, a maioria ainda é totalmente despreparada no assunto endometriose. É ó ver a quantidade de ginecologistas no mercado e a quantidade dos que efetivamente tratam a endometriose. Os números são assustadores!  Shocked Inacreditáveis mesmo!

Acho absurdo vc estar em plena capital e ter de recorrer a outras cidades p/buscar tratamento médico p/sua doença! Vc e tantas outras, não é mesmo? Quem lê isso, francamente, acharia que estamos em pleno século 21?  Huh? Aff...

Mas, não podemos perder as esperanças e, mto menos ficarmos sentadas, assistindo dopadas de medicamentos, assistindo esta endolouca fazer a festa em nós! Isso não!  Angry "Fala sério hein dona endo!" Nós portadoras temos nossos direitos, mas tb nossos deveres, e um deles, talvez o principal, seja nos informar e divulgar, cada vez mais, os perigos desta doença que, embora não seja considerada maligna, nos faça tanto mal.

Faça isso vc tb Gabii. Forme um grupo em sua Cidade. Imagine só, vários grupos das "EndoAmigas" - como bem batizou nossa amiga Bin@ - em várias cidades, divulgando e informando simultaneamente sobre esta doença que atinge a tantas mulheres.  Wink

Pensem nisso pessoal! Wink

BjÔ
« Last Edit: January 08, 2009, 02:40:31 PM by By@RJ » Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
Gabii
Jr. Member
**

Karma: +0/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 87


Fé, Força, Vibrações boas!!


« Reply #13 on: January 10, 2009, 12:45:24 AM »

É isso msm By!! Como em plena capital ne? Costumo dizer que Brasília é uma roça um pouco aumentada! hehe

Agora, qto aos especialistas...Esses q conheço, e o meu ainda atual médico, são! Mas, enfim...ser especialista já não é garantia d mta coisa pelo q vejo. Existem mtos aí sendo processados; msm sendo presidente da associação "X", pertencendo ao grupo internacional "Y"..etc. Fora o despreparo, como vc mesma disse! É de doer td, qdo vejo um "especialista" sem dar a atenção devida, entre outras coisitas mais!

O jeito é ir atrás msm, e conhecer pra ver o q acha...além de pesquisar sobre ne!
E, estou com muitos planos para divulgar a "Endochata"  Wink A Endoalien e insuportável!!!
Vou ver como consigo mobilizar tb outras pessoas, e dar um jeito disso entrar nos meios d comunicação! Vamos fazer isso sempre ne! Todas! Para q mais e mais pessoas, não só as portadoras, saibam da tão famosa e ao mesmo tempo ainda tão ignorada endo!

Bjãoooo!!!!!!

Logged
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #14 on: January 10, 2009, 12:15:09 PM »

É isso msm By!! Como em plena capital ne? Costumo dizer que Brasília é uma roça um pouco aumentada! hehe

Agora, qto aos especialistas...Esses q conheço, e o meu ainda atual médico, são! Mas, enfim...ser especialista já não é garantia d mta coisa pelo q vejo. Existem mtos aí sendo processados; msm sendo presidente da associação "X", pertencendo ao grupo internacional "Y"..etc. Fora o despreparo, como vc mesma disse! É de doer td, qdo vejo um "especialista" sem dar a atenção devida, entre outras coisitas mais!

O jeito é ir atrás msm, e conhecer pra ver o q acha...além de pesquisar sobre ne!
E, estou com muitos planos para divulgar a "Endochata"  Wink A Endoalien e insuportável!!!
Vou ver como consigo mobilizar tb outras pessoas, e dar um jeito disso entrar nos meios d comunicação! Vamos fazer isso sempre ne! Todas! Para q mais e mais pessoas, não só as portadoras, saibam da tão famosa e ao mesmo tempo ainda tão ignorada endo!

Bjãoooo!!!!!!


É isso aí!
BjÔ  Kiss
Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
Pages: [1] 2   Go Up
  Print  
 
Jump to:  

Powered by MySQL Powered by PHP Powered by SMF 1.1 RC3 | SMF © 2001-2006, Lewis Media Valid XHTML 1.0! Valid CSS!