Forum Endometriose - 2012, 2013 & 2014
August 30, 2014, 03:10:34 AM *
Welcome, Guest. Please login or registre.

Login with username, password and session length
News: NOVAS CATEGORIAS!!!!
 
   Home   Help Search Login Register  
Pages: [1] 2 3   Go Down
  Print  
Author Topic: VIDEOLAPAROSCOPIA - Dicas para quem ira passar por esta cirurgia  (Read 147445 times)
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« on: December 30, 2008, 02:39:49 AM »

escrito pela americana Ellen T. Johnson (que tambem era portadora de endometriose)
fonte: http://www.endometriosis.org/laparoscopy.html.

traduzido e postado por Cas inicialmente para o Forum da ABEND/2005
copiado para varias comunidades de Endometriose do Orkut



"A cirurgia de Laparoscopia é diferente de uma mulher para outra. Cada uma de nós tem uma experiência diferente baseada em nossas expectativas e também por causa da extensão da cirurgia, da profundidade da cirurgia, do cirurgião, das enfermeiras, como nosso corpo responde a dor e outros tantos fatores. E tem mais, cada mulher se recupera diferente. Os médicos podem nos dizer que apenas poucos dias serão necessários para se recuperar de uma Laparoscopia. Mesmo assim, muitas de nós, levam semanas para uma total recuperação.

Visão Geral da Cirurgia
Esta cirurgia, usualmente, é feita sob anestesia geral no hospital. Geralmente uma pequena incisão será feita perto do seu umbigo e seu abdômem será cheio de gás CO2 (dióxido de carbono). O CO2 permite que o cirurgião tenha uma visão melhor dos orgãos internos. O cirurgião irá inserir um instrumento chamado laparoscópio através da incisão feita no seu umbigo. Duas outras incisões poderão ser feitas no seu abdômem para permitir a inserção de outros aparelhos cirúrgicos. Muitos cirurgiões colocam junto uma vídeocamêra com o laparoscópio para aumentar a visão, permitindo que a equipe médica veja o procedimento.
Durante a Laparoscopia, o médico examina os orgãos pélvicos, procurando por óbvias e atípicas lesões de endometriose bem como endometriomas, aderências. Dependendo de sua história e seus sintomas, o médico pode procurar também por miomas ou outras anormalidades. Outros procedimentos, como uma histeroscopia (exame dentro do útero) podem ser feitos também.

O diagnóstico e tratamento da Endometriose podem ser feitos durante o mesmo procedimento. Seu médico pode também remover as lesões e enviar ao laboratório para efetuar uma biópsia. Isto poderá detectar a presença da Endometriose.

Poucos dias antes da cirurgia:
Faça todas as compras, limpeza e qualquer trabalho de casa que você tenha que fazer antes do dia da cirurgia, pois a última coisa que você precisará se preocupar é acerca de quanta roupa tem para passar. Compre comida fácil de preparar ou cozinhe antecipadamente e congele para ter refeições já prontas. Compre absorventes íntimos caso venha a precisar. Desmarque todo compromisso, por no mínimo duas semanas para se permitir relaxar e dormir, você precisará descansar. Tenha certeza que seus amigos e familiares saibam que você precisará de ajuda por um poucos dias. Tenha a certeza de ter um estoque de remédios contra dor receitados por seu médico, apenas em caso de precisar tomá-los.

Um dia antes da cirurgia:
No dia anterior a cirurgia, faça refeições leves e saudáveis, beba muito líquido. Talvez não seja permitido comer ou beber após a meia-noite, então faça um pequeno lanche antes de dormir para prevenir a sensação de fome pela manhã.

Preparação Intestinal
O seu medico pode pedir uma prerparação intestinal na noite anterior a cirurgia. O processo varia, mas usualmente inclui uma dieta líquida e outras preparações para limpar todo o intestino. Não é um processo agradável, mas é necessário. Converse com seu medico para saber o que esperar.

Quanto tempo você ficará no hospital ?
As paciente de Laparoscopia geralmente saem no mesmo dia, mas se a sua cirugia tiver sido complexa ou profunda, você deverá passar a noite no hospital. Se tiver sido extirpado um pedaço do intestino você deverá ficar mais dias. É uma boa idéia, ir mentamente preparada para ficar pelo menos uma noite.

Medo
Quase todo mundo tem medo de cirurgia. Nós podemos nos preocupar com os riscos, a anestesia, a dor ou o que o cirurgião irá encontrar (ou não).   

Roupas
Não se esqueça de usar roupas folgadas e roupa intíma (calcinha) que não aperte a linha do biquini ou o umbigo. Usar sapatos confortáveis facilitará a sua vida também. Leve seu próprio absorvente intímo, o qual for mais confortável para você, os dos hospitais podem ser pequenos ou grandes demais. Melhor ter o que você já usa e está acostumada. Leve chinelos, um roupão de banho, artigos de higiene pessoal. Leve um walkman para ouvir suas músicas favoritas ou algumas revistas para ler e manter sua mente ocupada enquanto espera.

Após a Cirurgia
Quando você acordar da anestesia você deverá estar com dor. Diga a enfermeira como está a sua dor para que possa ser medicada corretamente. A volta da anestesia geralmente nos faz ficar com muito frio, peça por cobertores se isto acontecer. Você provavelmente sentirá um desconforto na garganta por causa do tubo que é colocado em sua boca durante a cirurgia. Se os sintomas piorarem converse com a enfermeira e o médico.

Você poderá ter náuseas:
Infelizmente, náuseas e vômito no pós-operatório são comuns. Se esta é sua primeira experiência com uma cirurgia, ou simplesmente a primeira vez que você acorda “enjoada”, chame a enfermeira quando perceber que está assim o mais breve possível. Além disso, se você perceber que vai vomitar, tente chamar a atenção de alguém, eles irão te dar uma bacia e te ajudar a sentar se for preciso.

Você se sentirá desconfortável:
Quanto ? Ninguém poderah dizer. Isso vai depender de quanto é a sua tolerância a dor, mas também do que exatamente foi feito durante o procedimento cirúrgico. Sua dor vai provavelmente limitar suas ações no abdômem.

É possível que você tenha dor nos ombros:
Isto acontece devido ao CO2 que ficou preso abaixo do seu diafragma.
Esta irritação vai para os ombros, você poderá não sentir nada ou uma leve dor ou uma dor muito forte. A dor irá gradualmente diminuindo conforme o gás for sendo absorvido pelo seu corpo e consequentemente expelido. Isto pode demorar umas 48 horas.

Você ficará inchada:
O inchaço, após a cirurgia deverá ser esperado. Isto acontece devido ao CO2 que o cirurgião usou, mas isto faz parte do processo de recuperação. A dor varia, pois depende de quanto CO2, o médico tirou antes de fazer os pontos. Peça a eles para tirarem o máximo possível. Andar ajudará o seu organismo a se livrar do excesso de gás.

Você poderá ter algum sangramento vaginal:
Isto provavelmente será o equivalente a um fluxo menstrual leve. Prefira usar absorventes externos do que absorventes internos. Deverá acabar em poucos dias. Se o fluxo se tornar muito forte ou se você ficar preocupada com isto então cheque com seu médico.

Remédio para dor:
Seu médico deverá te dar alta e prescrever uma medicação com uma receita médica, ou liberar você sem receita médica, podendo usar algum medicamento sem necessidade de receita. Em ambos os casos, se o medicamento para dor não estiver aliviando a dor, entre em contato com ele e peça por um medicamento mais forte. Não há necessidade de sentir dor. Não há problema se você pedir, antes da cirurgia, afim de ficar preparada.

Problemas intestinais:

Constipação é comum após a Laparoscopia.

Pontos:
Muitos hospitais agora usam pontos que se dissolvem no organismo, mas às vezes, por alguma razão eles não se dissolvem. Se após 7-10 dias você ainda sentir os pontos incomodando ou apertando, visite o seu médico.

Recuperação
Pelos primeiro 2 ou 3 dias seguintes a cirurgia, muitas mulheres se sentem cansadas ou debilitadas. Durante este período, tenha alguém que possa ficar com você – um parente ou uma amiga.

Nas primeiras 2 semanas após a cirurgia o seu médico pode pedir que você não dirija e nem tenha relação sexual, banho de banheira, ducha vaginal ou pratique natação.

Não espere muito de você mesma nos primeiros dias. Você deverá se sentir cansada e precisará tirar muitas sonecas. Entretanto, se estiver apta para andar, ande. Isto ajudará você a se recuperar rapidamente.

Passe as primeiras 24 horas descansando ou dormindo o máximo possível. Descanse na posição mais confortável. Colocar as pernas para cima com a ajuda de travesseiros poderá ajudar. Se precisar, peça ajuda para se sentar – os músculos do estômago estarão sensíveis e doloridos. Tenha um copo de água do seu lado com um canudo flexível ao alcance das mãos, pois assim você não terá que pedir ajuda a toda hora.

Quando ligar para o médico?
Se ocorrer uma hemorragia. Geralmente, quando um absorvente se encharca em 1 hora.
Se o seu umbigo começar a avermelhar, ou ter alguma secreção.
Se você tiver febre de 38 C ou mais alta.
Se você sentir dores extremas no pós-operatório.
Se você tiver algum sintoma o qual te faça sentir aflição ou agonia.

A coisa mais importante é ir com calma, e não pedir demais de você mesma. Sua recuperação poderá ser mais fácil se você cuidar de você e não tentar fazer as coisas apressadamente.

Primeira mesntruação após a cirurgia
A experiência da primeira menstruação pode ser dramática. Se o seu fluxo for mais doloroso, longo ou mais do que o habitual, não entre em pânico. A recuperação interna leva tempo. Por isso o seu primeiro fluxo pode ser doloroso. No entanto converse com seu médico, se você está preocupada com as dores ou se a dor for muito severa.

Converse com outras mulheres
Conversar acerca da experiência de cada uma pode ser benéfica. A informação acaba sendo valiosa para todas e principalmente para aquelas que irão enfrentar a cirurgia pela primeira vez."
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
Bin@
Full Member
***

Karma: +1/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 233



« Reply #1 on: February 04, 2009, 02:44:45 PM »

Up
Logged

Bin@
jully
Newbie
*

Karma: +0/-0
Offline Offline

Posts: 3



« Reply #2 on: February 16, 2009, 04:44:01 PM »

Olá meninas!
Sou nova por aqui! Entrei no fórum por me identificar com os posts.
Fiz em janeiro uma vídeolaparoscopia. Tinha endometriose grau III e achei ótima essas dicas da Cas. Seria muito bom se eu tivesse ido para a cirurgia sabendo desses tópicos. Senti quase todos! Essa dor no ombros que não sabia do que era ! Afe! Minha médica explicou pouquíssimas coisas (Achoq ue pra eu não desistir de fazer a cirurgia). Senti também tontura e náusea. Quando fui tomar o primeiro banho em casa quase desmaiei. Ficamos fracas sim.
Agora estou fazendo tratamento com Zoladex 10,8. Tomei a primeira de 3 e estou sentindo alguns efeitos colaterais. Sei que não tem muito a ver com este post, mas alguma de vocês sentiram sensibilidade e inchaço nas mamas?
bjs meninas.
Logged
talyti
Sr. Member
****

Karma: +2/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 285



« Reply #3 on: February 16, 2009, 05:15:35 PM »

Oi Jully!
Seja bem vinda querida! Smiley
Realmente esse tópico é 10, mto importante q todas q irão fazer cirurgia.

Qto ao zoladex, tbm estou em tratamento com ele, o meu é 3,6. Os efeitos do zola, como de todo medicamento, depende de cada pessoa...Eu tenho tido isônia, ondas de calor, ressecamento vaginal...mas nada q eu desanime. Ficar sem dor ñ tem preço. Wink
Pesquisa aqui no fórum tópicos q falem do "zoladex", as meninas trocam experiências. Mas importante lembrar sempre: "Cada caso é único".


Bjão
Logged

Talyti Wink
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #4 on: February 17, 2009, 01:57:02 PM »

Bem vinda jully!

Concordo plenamente com as palavras da Talyti e gostaria de acrescentar que os efeitos colaterais do zoladex 10,8mg vêm mais rápido do que a dosagem 3,6mg.

Por ser maior, a dosagem 10,8mg toma-se a cada três meses. Já a de 3,6mg, a cada 28 dias. Os efeitos colaterais da doesagem 3,6mg sentem-se, geralmente, depois de 21 dias, ou seja, praticamente na próxima aplicação, diferente da dosagem 10,8m, cujo efeitos colaterais podem ser sentidos praticamente duas semanas depois!

Estas informações constam da bula do medicamento zoladex. Wink

BjÔ
  Kiss
Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
CRIS COSTA
Newbie
*

Karma: +0/-0
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 19



« Reply #5 on: March 09, 2009, 12:39:16 AM »

Nossa meninas!!! vcs não sabem o quanto estão me ajudando, essa semana provavelmente vou fazer a videolaparoscopia, já havia feito outra cirurgia de endometriose há 11 anos e essa foi aberta. Sei que é diferente, mas já me confirmaram que a recuperação é bem mais rápida da que fiz anteiormente Wink. Obrigada vcs são ótimas, espero não sentir muitas dores kkkkkkkkkkk de dores já basta  Grin.
beijos e uma ótima semana para vcs.
Logged
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #6 on: March 23, 2009, 04:45:34 PM »

Cris, espero que tenha dado tudo certo ! Abracao, Cas
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #7 on: March 29, 2009, 08:32:49 PM »

Cris, espero que tenha dado tudo certo ! Abracao, Cas

Da By@RJ tb!!! Grin

BjÔ  Kiss
Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #8 on: March 29, 2009, 11:27:25 PM »

Cris nos dê notícias quando puder... ! abração, Cas
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
Fatima Sall
Newbie
*

Karma: +0/-0
Offline Offline

Posts: 1


« Reply #9 on: March 31, 2009, 05:54:24 PM »

Tenho 47 anos em 2001 fiz uma gastrectomia parcial para retirada de um cancer, descobri depois da cirurgia, maligno. Há cerca de 5 anos fiz uma "raspagem" para resolver um problema de endometriose. Agora, descobri que meu útero tem um pouco de endometriose e que há um pouco no intestino. Meu médico me deu duas opções: tratamento com o uso, entre outras coisas, do diu Mirena até a chegada da menopausa onde os sintomas de dores etc...cessariam. Até então ele não sabia da endometriose em uma parte do intestino, ou a uma laparoscopia onde deverá ser retirado o útero, mantido as trompas e o ovário, e a parte (segundo ele pequena) do intestino.
O que me me espera? O que devo esperar? Como tive o problema do Cancer fico receosa que as pessoas estejam me escondendo algo (meu marido é da área e amigo do médico)...porém...sou muito tranquila...e sei lidar supermegahiper bem com a verdade...sabendo o que esta acontecendo...o que me espera...enfim! Quando começam a esconder as coisas...fico com a sensação de que é algo pior do que se apresentaria. Sendo assim, peço a gentileza das lindas meninas para me darem uma luz. Podem me ajudar? Quero saber tudinho das contas....  Ah! vou ter que fazer uma endoscopia e colposcopia.... Hummmm!?Huh?Huh??
Logged
imac
Newbie
*

Karma: +0/-0
Offline Offline

Posts: 4


« Reply #10 on: April 02, 2009, 01:42:31 PM »

Querida Eleuze, boa tarde ! Graças e Deus encontrei este site com esclarecimentos e preciso de ajuda !
Estou autorizando publicarem minha mensagem para que outras pessoas possam se prevenir e não passarem pelos sofrimentos que me fizeram chegar até aqui.
Durante oito anos, fui paciente de uma ginecologista em BH, recomendada por uma amiga.
Neste período, ELA NUNCA HAVIA ME SOLICITADO ULTRA-SOM ENDOVAGINAL e somente no oitavo ano, tive sucessivas candidíases, possuia todos os sintomas de endometriose e minha imunidade estava tão baixa a ponto de ter frieiras nos pés.
Qual não foi meu espanto, ao saber que atrás do meu útero (intramural e subseroso), havia um mioma de 9,5 x 8,0 cm. Que já estava comprimindo meu útero e bexiga. Procurei vários médicos até chegar a três que me transmitiram maior confiança e o mesmo diagnóstico: histerectomia (total ou parcial). O sofrimento psicológico foi maior do que a dor física, me senti "mutilada de corpo e alma" ao perder meu útero. Não há como classificar este sofrimento e o conflito com minha vontade de ser mãe. Me senti traída pela médica que teve dois filhos com um mioma de 8,0 cm e que ela disse "vai morrer com ele" !. Após esta primeira cirurgia, retornei seis meses de operada e foi descoberto em outro exame, cistos no ovário esquerdo. Ao ser operada novamente, os focos de endometriose surgiram e foram cauterizados. Quando tinha 15 dias de operada, meu pai veio a falecer vítima de infarto fulminante e entrei em depressão
extrema. Fiz tratamento psicológico e Graças a Deus
me fortaleci na fé.

Passei então a tomar zoladex ( fazem oito meses) e estou para fazer outro ultra-som no dia 18/04/2009.
Meu médico atual (o que fez as operações e acompanha meu tratamento), me disse que houve um ligeiro crescimento da endo, farei outra video-laparoscopia.

Por favor, me ajudem, estou exausta de tantas cirurgias, tenho sentido alguns incomodos que passam com buscopam.
Cuido da alimentação, tomo linhaça, óleo de peixe, vitamina c, amora em cápsulas e estou voltando a me exercitar.

Se não vou poder conceber mais um filho, outra cirurgia é necessária para um "ligeiro crescimento
da endo"?!
Medicamentos menos invasivos do que a zoladex podem me ajudar?

Tenho apenas 41 anos, aparência jovial e muita força de vontade, mas meu Deus, já suportei tanta coisa ...

Vou me casar em setembro deste ano e quero ser feliz,
já chorei o suficiente e preciso de apoio e orientação, pois minha mãe também foi para junto de Deus com cãncer e eu tinha apenas 23 anos.

Peço orientação clínica e humanitária, por favor, me ajudem a suportar tanta provação. Abraços, muito obrigada e aguardo com expectativa a resposta de vocês.
imacwilke@pop.com.br
comercial@bretas.com.br
 :Smiley
Logged
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #11 on: April 03, 2009, 03:03:47 AM »

Fátima, não temos como saber o que vc esperar... pois somos portadoras de endometriose como vc e não médicos.
Mas, qual a razão de fazer uma histerectomia parcial ? Somente pela endometriose ? Esta cirurgia somente é indicada em casos muito severos, e na maioria dos casos existe uma reicindência grande da volta da endometriose. Mesmo porque vc vai continuar com os ovarios.

Tratamentos medicamentosos como o DIU Mirena nem sempre resolve o problema das dores... se os focos da endo nao forem tratados antes.

Sugiro conversar mais com seu medico e ver outras alernativas, ou partir para uma seunda opiniao e ver o que pode ser feito.

Abracao, Cas


Tenho 47 anos em 2001 fiz uma gastrectomia parcial para retirada de um cancer, descobri depois da cirurgia, maligno. Há cerca de 5 anos fiz uma "raspagem" para resolver um problema de endometriose. Agora, descobri que meu útero tem um pouco de endometriose e que há um pouco no intestino. Meu médico me deu duas opções: tratamento com o uso, entre outras coisas, do diu Mirena até a chegada da menopausa onde os sintomas de dores etc...cessariam. Até então ele não sabia da endometriose em uma parte do intestino, ou a uma laparoscopia onde deverá ser retirado o útero, mantido as trompas e o ovário, e a parte (segundo ele pequena) do intestino.
O que me me espera? O que devo esperar? Como tive o problema do Cancer fico receosa que as pessoas estejam me escondendo algo (meu marido é da área e amigo do médico)...porém...sou muito tranquila...e sei lidar supermegahiper bem com a verdade...sabendo o que esta acontecendo...o que me espera...enfim! Quando começam a esconder as coisas...fico com a sensação de que é algo pior do que se apresentaria. Sendo assim, peço a gentileza das lindas meninas para me darem uma luz. Podem me ajudar? Quero saber tudinho das contas....  Ah! vou ter que fazer uma endoscopia e colposcopia.... Hummmm!?Huh?Huh??
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
cas
Hero Member
*****

Karma: +7/-4
Offline Offline

Posts: 1353


"Bons amigos são bons para sua saúde."


« Reply #12 on: April 03, 2009, 03:11:42 AM »

Imac, sinto pelo que ja passou !

A Eleuze nao participa do Forum, mas creio que vc pode escrever a ela nos enderecos da ABEND. Lembro este Forum eh publico e qualquer um na internet pode ver suas mensagens.

Infelizmente, a jornada com a endometriose eh dificil mas possivel. Como a endo eh uma doenca sem cura, cronica... precisa de tratamento continuo para ser mantida em controle.

Cada medico tem uma conduta, indicacao de tratamentos com ciruriga e/ou medicamentoso. As vezes cirurgias sao indicadas para retirar os focos de endo repetidas vezes, desta maneira eh necessario averiguar o risco de aderencias que as cirurgias podessam ocasionar .

Em geral, os analogos (Zoladex) sao prescritos afim de mater o controle da doenca, e apos um periodo (de acordo com idnicacao medica) troca-se para um medicacao que bloqueie a menstruacao para que a endometriose nao evolua mais.

Infelizmente, nem sempre a histerctomia quer dizer que a endo nao ira retornar, mesmo porque os ovarios continuam trabalhando a todo vapor.

Conversem mais com seu medico, ou parta para uma segunda opiniao.
Melhoras e um grande abraco, Cas


Querida Eleuze, boa tarde ! Graças e Deus encontrei este site com esclarecimentos e preciso de ajuda !
Estou autorizando publicarem minha mensagem para que outras pessoas possam se prevenir e não passarem pelos sofrimentos que me fizeram chegar até aqui.
Durante oito anos, fui paciente de uma ginecologista em BH, recomendada por uma amiga.
Neste período, ELA NUNCA HAVIA ME SOLICITADO ULTRA-SOM ENDOVAGINAL e somente no oitavo ano, tive sucessivas candidíases, possuia todos os sintomas de endometriose e minha imunidade estava tão baixa a ponto de ter frieiras nos pés.
Qual não foi meu espanto, ao saber que atrás do meu útero (intramural e subseroso), havia um mioma de 9,5 x 8,0 cm. Que já estava comprimindo meu útero e bexiga. Procurei vários médicos até chegar a três que me transmitiram maior confiança e o mesmo diagnóstico: histerectomia (total ou parcial). O sofrimento psicológico foi maior do que a dor física, me senti "mutilada de corpo e alma" ao perder meu útero. Não há como classificar este sofrimento e o conflito com minha vontade de ser mãe. Me senti traída pela médica que teve dois filhos com um mioma de 8,0 cm e que ela disse "vai morrer com ele" !. Após esta primeira cirurgia, retornei seis meses de operada e foi descoberto em outro exame, cistos no ovário esquerdo. Ao ser operada novamente, os focos de endometriose surgiram e foram cauterizados. Quando tinha 15 dias de operada, meu pai veio a falecer vítima de infarto fulminante e entrei em depressão
extrema. Fiz tratamento psicológico e Graças a Deus
me fortaleci na fé.

Passei então a tomar zoladex ( fazem oito meses) e estou para fazer outro ultra-som no dia 18/04/2009.
Meu médico atual (o que fez as operações e acompanha meu tratamento), me disse que houve um ligeiro crescimento da endo, farei outra video-laparoscopia.

Por favor, me ajudem, estou exausta de tantas cirurgias, tenho sentido alguns incomodos que passam com buscopam.
Cuido da alimentação, tomo linhaça, óleo de peixe, vitamina c, amora em cápsulas e estou voltando a me exercitar.

Se não vou poder conceber mais um filho, outra cirurgia é necessária para um "ligeiro crescimento
da endo"?!
Medicamentos menos invasivos do que a zoladex podem me ajudar?

Tenho apenas 41 anos, aparência jovial e muita força de vontade, mas meu Deus, já suportei tanta coisa ...

Vou me casar em setembro deste ano e quero ser feliz,
já chorei o suficiente e preciso de apoio e orientação, pois minha mãe também foi para junto de Deus com cãncer e eu tinha apenas 23 anos.

Peço orientação clínica e humanitária, por favor, me ajudem a suportar tanta provação. Abraços, muito obrigada e aguardo com expectativa a resposta de vocês.
imacwilke@pop.com.br
comercial@bretas.com.br
 :Smiley
Logged

Cas
Comunidade "Endometriose Sem Limites"
http://www.orkut.com/Main#Community.aspx?rl=cpp&cmm=2207951
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #13 on: April 03, 2009, 02:24:37 PM »

Olá Fatima!

Sim, como disse a Cas, somos portadoras de endometriose e não obtemos o conhecimento científico p/lhe dizer qual tratamento fazer e o que esperar mesmo, mas as perguntas que a Cas postou são bem prudentes. Realmente, qual a real necessidade da histerectomia, seja ela parcial ou total? Afinal, os ovários continuarão suas atividades, ou vc fará o bloqueio da menstruação? Td isso precisa ser pensado e analisado. É preciso saber da real necessidade de se retirar seu útero, por isso, vc deve ter uma conversa franca com seu médico.

P/isso, vc precisa ter informação. Leia bastante, pergunte, se informe! Saiba td o que vc puder sobre sua doença. Entenda seu tratamento. O que é e pq vc o faz. Aqui no forum tem mtos artigos interessantes. Leia, anote suas dúvidas e tire-as com seu médico. Se achar necessário, procure uma segunda opinião e qtas for preciso, até vc se sentir totalmente segura.

Desjo-lhe boa sorte e saiba que pode contar conosco.

BjÔ grande  Kiss


Tenho 47 anos em 2001 fiz uma gastrectomia parcial para retirada de um cancer, descobri depois da cirurgia, maligno. Há cerca de 5 anos fiz uma "raspagem" para resolver um problema de endometriose. Agora, descobri que meu útero tem um pouco de endometriose e que há um pouco no intestino. Meu médico me deu duas opções: tratamento com o uso, entre outras coisas, do diu Mirena até a chegada da menopausa onde os sintomas de dores etc...cessariam. Até então ele não sabia da endometriose em uma parte do intestino, ou a uma laparoscopia onde deverá ser retirado o útero, mantido as trompas e o ovário, e a parte (segundo ele pequena) do intestino.
O que me me espera? O que devo esperar? Como tive o problema do Cancer fico receosa que as pessoas estejam me escondendo algo (meu marido é da área e amigo do médico)...porém...sou muito tranquila...e sei lidar supermegahiper bem com a verdade...sabendo o que esta acontecendo...o que me espera...enfim! Quando começam a esconder as coisas...fico com a sensação de que é algo pior do que se apresentaria. Sendo assim, peço a gentileza das lindas meninas para me darem uma luz. Podem me ajudar? Quero saber tudinho das contas....  Ah! vou ter que fazer uma endoscopia e colposcopia.... Hummmm!?Huh?Huh??
Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
By@RJ
Hero Member
*****

Karma: +7/-5
Offline Offline

Gender: Female
Posts: 1036


EndoAmigas/RJ. Grupo de apoio a portadoras de endo


WWW
« Reply #14 on: April 03, 2009, 02:32:24 PM »

Olá imac.

Poxa, qta coisa vc realmente passou! Mas vc será feliz sim, acredite nisso viu! Wink

Sim, a Eleuze não participa do forum, como disse a Cas, mas vc pode contar com tds nós aqui! Afinal, este é o "nosso cantinho", rs.

Os análogos, como o zoladex, são grandes aliados no controle da endometriose, mas é preciso saber usá-lo. "Digo" a vc o que "disse" à Fátima. É preciso que tds nós tenhamos mta informação em relação a nossa doença. Por isso, leia mto, se informe! Como disse, aqui no forum tem mta informação. Leia os artigos, anote suas dúvias e tire tds com seu doc. Conheça sua doença.

Desejo-lhe td de bom e parabén pelo casório! Wink

Caso vc deseje, estamos com um grupo de apoio a portadoras de endometriose aqui no RJ (mas que se estende a tds os lugares), o EndoAmigas/RJ. Caso vc queira entrar em contato conosco, envie-nos um e.mail: endoamigasrj@yahoo.com.br

BjÔ grande  Kiss


Querida Eleuze, boa tarde ! Graças e Deus encontrei este site com esclarecimentos e preciso de ajuda !
Estou autorizando publicarem minha mensagem para que outras pessoas possam se prevenir e não passarem pelos sofrimentos que me fizeram chegar até aqui.
Durante oito anos, fui paciente de uma ginecologista em BH, recomendada por uma amiga.
Neste período, ELA NUNCA HAVIA ME SOLICITADO ULTRA-SOM ENDOVAGINAL e somente no oitavo ano, tive sucessivas candidíases, possuia todos os sintomas de endometriose e minha imunidade estava tão baixa a ponto de ter frieiras nos pés.
Qual não foi meu espanto, ao saber que atrás do meu útero (intramural e subseroso), havia um mioma de 9,5 x 8,0 cm. Que já estava comprimindo meu útero e bexiga. Procurei vários médicos até chegar a três que me transmitiram maior confiança e o mesmo diagnóstico: histerectomia (total ou parcial). O sofrimento psicológico foi maior do que a dor física, me senti "mutilada de corpo e alma" ao perder meu útero. Não há como classificar este sofrimento e o conflito com minha vontade de ser mãe. Me senti traída pela médica que teve dois filhos com um mioma de 8,0 cm e que ela disse "vai morrer com ele" !. Após esta primeira cirurgia, retornei seis meses de operada e foi descoberto em outro exame, cistos no ovário esquerdo. Ao ser operada novamente, os focos de endometriose surgiram e foram cauterizados. Quando tinha 15 dias de operada, meu pai veio a falecer vítima de infarto fulminante e entrei em depressão
extrema. Fiz tratamento psicológico e Graças a Deus
me fortaleci na fé.

Passei então a tomar zoladex ( fazem oito meses) e estou para fazer outro ultra-som no dia 18/04/2009.
Meu médico atual (o que fez as operações e acompanha meu tratamento), me disse que houve um ligeiro crescimento da endo, farei outra video-laparoscopia.

Por favor, me ajudem, estou exausta de tantas cirurgias, tenho sentido alguns incomodos que passam com buscopam.
Cuido da alimentação, tomo linhaça, óleo de peixe, vitamina c, amora em cápsulas e estou voltando a me exercitar.

Se não vou poder conceber mais um filho, outra cirurgia é necessária para um "ligeiro crescimento
da endo"?!
Medicamentos menos invasivos do que a zoladex podem me ajudar?

Tenho apenas 41 anos, aparência jovial e muita força de vontade, mas meu Deus, já suportei tanta coisa ...

Vou me casar em setembro deste ano e quero ser feliz,
já chorei o suficiente e preciso de apoio e orientação, pois minha mãe também foi para junto de Deus com cãncer e eu tinha apenas 23 anos.

Peço orientação clínica e humanitária, por favor, me ajudem a suportar tanta provação. Abraços, muito obrigada e aguardo com expectativa a resposta de vocês.
imacwilke@pop.com.br
comercial@bretas.com.br
 :Smiley
« Last Edit: April 03, 2009, 02:34:36 PM by By@RJ » Logged

By@RJ
EndoAmigas/RJ. Cadastre seu e.mail e receba informações sobre Endometriose. endoamigasrj@yahoo.com.br
Pages: [1] 2 3   Go Up
  Print  
 
Jump to:  

Powered by MySQL Powered by PHP Powered by SMF 1.1 RC3 | SMF © 2001-2006, Lewis Media Valid XHTML 1.0! Valid CSS!